Estes dois gigantes viveram uma vida inteira presos em uma baia onde mal podiam se virar. Por mais de 8 anos foram mantidos nessas tristes condições.

Água e comida eram limitados e somente à noite, após às 17:00 horas. Domingo era dia de jejum.

Passavam o dia inteiro assim, sendo soltos à noite para vigiar o local (Um Lava-jato).

Como viviam largados e sem nenhuma assistência, um deles, Nelson, acabou adoecendo e contraiu Leishmaniose.

Além disso, estava com uma severa otite, anemia profunda e um ferimento grande na pata. Os quase 10 anos de uma vida miserável estavam enfim cobrando o preço.

O resgate chegou depois de uma desgastante negociação. E aí eles puderem, finalmente, mostrar a todos a índole que sempre tiveram e que teria sido mantida aprisionada numa baia fétida e precária.

Nelson recebeu o tratamento que precisava e se recuperou totalmente. Hoje faz uso do Alopurinol, e nada mais.

Eles são muito dóceis, ótimos amigos e companheiros. Nelson, o mais velhinho, é muito apegado ao Milton, que bem poderia ser seu netinho. Este, embora não seja nenhum filhote, é bagunceiro e cheio de vida.

Eles não têm a mesma energia, mas parecem pai e filho, muito embora nem sequer tenham o mesmo sangue. Há afeto e amizade verdadeira entre eles. Por isso, seus protetores esperam muito a sorte de uma adoção conjunta.

Claro que não serão doados para guarda. O tempo de sofrimento acabou e, de agora em diante, que a vida deles seja só de alegrias. E pra isso, precisam apenas de donos carinhosos e boa companhia.

E não bastassem todas as dificuldades para doação de dois SRDs grandes e velhos, ainda há o dever moral de se buscar uma adoção conjunta.

A questão é que eles são praticamente irmãos e viveram muitas dificuldades unidos. Basta separar um, que o outro já chora ou chama. Por ter uma idade já avançada e necessitar de tomar medicamento, que o final de vida do Nelson seja digno, e essa dignidade inclui o amigo Milton.

Apesar de tudo, ele está muito bem, segundo a avaliação da veterinária que vem acompanhando-o. Eles são bem guerreiros.

Contato: Pedro: (31) 9 9845.2322.

E-mail: pedrinho73@gmail.com

Número do anúncio: jun18-0100-mgCZ

Comentários / Mais informações sobre o anúncio devem ser obtidas com os anunciantes, no telefone ou e-mail indicados acima.