Outro anúncio de 2011. Em uma de nossas visitas à Cão Viver, conhecemos a Cigana. Naquela ocasião, nós a definimos como uma cadelinha ideal pra quem estivesse procurando uma grande amiga ou uma amiga grande.

Ela era uma cadelinha dócil, carinhosa, carente e não tinha cerimônia com estranhos.

Tamanha era a sua adoração por humanos que demosntrava este afeto usando a parte mais macia e delicada de seu corpo: a língua.

Três anos se passaram. O Faon, o amigo tigrado que dividia o canil com ela, já não está mais entre nós. A Cigana chegou a conquistar muita gente, com seu jeito doce e espontâneo.

Foi adotada e tudo indicava um final feliz. Mas aí, por alguma razão que não justifica e nem explica, ela foi devolvida.

Sabíamos que ela tinha sido bem tratada, mas a volta ao abrigo, pra ela, foi um atestado de fracasso. A cadelinha que a Cão Viver recebeu de volta não era nem sombra daquela docilidade de outros tempos.

Ela chegou arredia, assustada, muito nervosa e agressiva. Chegou a ficar um tempo separada, em isolamento, porque estava atacando e ferindo seus amigos de canil.

Mas o tempo conserta tudo e cura todas as mágoas. Não precisou de muito tempo para que a Cigana entendesse que precisava voltar a ser o que era. Seus amigos de canil são tão vítimas quanto ela. Eles não mereciam sofrer as consequências de suas frustrações.

Hoje ela está novamente entre os seus. Ganhou o direito de viver no canil redondo, com visão panorâmica de todo o abrigo.

Voltou a ser a moça confiável e carinhosa de antes. Precisa muito deixar o abrigo, pra esquecer de vez as pesadas voltas que a vida dá.

Contato para adoção: Denise: (31) 9 8861.6761.

Contato também pelo e-mail: contato@caoviver.com.br

Número do anúncio: mai14-0040-mg

Comentários / Mais informações sobre o anúncio devem ser obtidas com os anunciantes, no telefone ou e-mail indicados acima.