Em uma tarde de março, dessas tardes cheirosas e mornas, saí para uma caminhada recitando meu mantra de desapego de bicho abandonado, pedindo ao Criador uma caminhada tranquila. Contudo, ela estava ali, no meu caminho.

Miava sem parar correndo atrás dos passantes absortos em seus batimentos cardíacos. Eu até pensei que estava enxergando demais porque só eu a via, mas era um miado desesperado a implorar por socorro.

Estava esquelética, machucada e olhava para o nada. Pude perceber que ela seguia somente os vultos que passavam por ali porque era ceguinha e estava a pedir socorro não só pelo abandono em que se encontrava, mas ela corria riscos pois, além de estar em uma avenida bem perigosa, era possível perceber que não comia já havia um bom tempo.

Claro que ela veio comigo, dei a ela uma cama macia e ela comeu por 30 dias seguidos como se quisesse armazenar alimento dentro dela. Era impressionante aquela fome toda.

Maria vai ser castrada por esses dias, deve ter uns cinco meses e é uma gatinha muito quietinha. Sabe aquele bichinho que parece ser de pelúcia, que você coloca em um lugar e ali ela fica como se quisesse garantir sua segurança se comportando assim?

Usa caixinha de areia normalmente e quase não mia. Sim, é uma cia excelente para quem quer um bichinho mais calmo mas que possa interagir normalmente, apesar da deficiência visual.

Ela já passou por consulta onde atestaram sua boa saúde. Me ajudem a salvar mais vidas, compartilhe esse anuncio assim poderei continuar ajudando os animais esquecidos pelos humanos.

Contato: (31) 9 860.5565.

E-mail: tcdias37@gmail.com

Número do anúncio: mai19-025-mgLN

Comentários / Mais informações sobre o anúncio devem ser obtidas com os anunciantes, no telefone ou e-mail indicados acima.