Raí foi encontrado quase morto, jogado no lixo. Alguém realmente tentou mata-lo com muitas pancadas na cabeça e só parou o ataque porque acreditou que já tinha terminado o serviço.

Entretanto, um sopro de vida ainda estava ali e, depois de algum tempo, ele começou a esboçar reação, gemendo baixinho. Foi o sinal para que fosse descoberto e resgatado.

Recebeu os cuidados médicos mas os danos neurológicos eram intensos e profundos. Quando chegou à casa de dona Tereza, ele não andava, não latia e quase não esboçava reação.

O tempo passou e, lentamente, ele começou a se recuperar.

Hoje é este cachorro alegre, brincalhão, grande e forte. Ele deve pesar em torno de 25 quilos, está castrado e vacinado.

É um grande amigo, capaz de proteger os donos. O sorriso que registramos na foto abaixo, infelizmente, está mais apagado, pois dois dias depois que lá estivemos, dona Tereza nos informou que ele foi atacado por outros cães e havia se machucado bastante.

Então é isso. Raí precisa de um novo começo, e longe, bem longe do abrigo onde ele está. Conforme a própria dona Tereza costuma dizer, ele está “jurado de morte” e não vai durar muito se continuar ali.

Contatos para adoção: Ana Paola: (31) 9 9926.3999. / Crispim: (31) 3213.6205.

E-mail: apaolamoura@hotmail.com / crispim@oloboalfa.com.br

Número do anúncio: fev21-0014-mgCZ

Comentários / Mais informações sobre o anúncio devem ser obtidas com os anunciantes, no telefone ou e-mail indicados acima.